Hábitos alimentares são herdados dos pais. - 28.11.2010

Especialista dá dicas de como influenciar positivamente as crianças

Pesquisas mostram que o hábito alimentar na infância indica o padrão de consumo do indivíduo na idade adulta e que a dieta dos pais influencia os hábitos alimentares dos filhos. Segundo a nutricionista Flávia Moraes, da Rede Mundo Verde, por esse motivo, é importante que, desde cedo seja oferecido às crianças uma alimentação a base de cereais integrais, frutas, verduras e legumes.

Para ela, no entanto, os pais não educam apenas oferecendo aos pequenos uma alimentação saudável. É preciso dar o exemplo e comer os mesmos alimentos que a criança come.

- Não basta o pai oferecer esse alimento ao seu filho, ele também precisa comer junto com a criança. O ideal é incluir nas refeições saladas e consumir frutas na sobremesa, ao invés de doces - afirma Flávia.

Além disso, o consumo de líquidos durante as refeições atrapalha a digestão e diminui o apetite, fazendo com que a criança troque facilmente a refeição por sucos ou refrigerantes. Para a nutricionista, há outro problema sério na hora de alimentar os pequenos: muitas vezes os pais chantagem as crianças com recompensas e punições à mesa.

- Não se deve usar a comida como recompensa ou castigo. Pior ainda é oferecer doces como forma de compensar a ausência ou castigar um mau comportamento com um prato de arroz, feijão e salada. Esses comportamentos são nocivos e podem influenciar os hábitos alimentares futuros das crianças - diz a especialista.
 

Com a proximidade do dia dos pais, a nutricionista recomenda que a refeição seja feita em casa, aproveitando para transformá-la em um momento de convívio familiar.

- Os pais devem comer com calma, aproveitar a companhia familiar, mastigar bem os alimentos e orientar as crianças a fazê-lo também. Lembre-se que a digestão começa pela boca com a mastigação. É importante também reduzir o número de refeições fora de casa. Normalmente em restaurantes e fast-food, os alimentos são ricos em calorias e pobres em nutrientes - explica a nutricionista.

Para melhorar a saúde da família, Flávia sugere um cardápio com lanches saudáveis como salada de frutas, granola, sucos de frutas, barras de cereais, balas de banana sem adição de açúcar, frutas liofilizadas e crocantes.
 

 É muito importante controlar a ingestão de guloseimas como doces, balas, biscoitos recheados e frituras. Não tendo esses produtos em casa o consumo de guloseimas pela família será menor e o comportamento alimentar da criança tende a ser melhor - diz a nutricionista.

Abaixo, confira as dicas de Flávia para os pais criarem uma boa cultura alimentar em seus filhos:

- Vá as compras com as crianças e as oriente com relação a escolhas de merendas saudáveis. Sanduíches de pão integral com pasta de soja e queijo branco, sucos de fruta ou água de coco, frutas secas como damasco e banana passa são opções saudáveis e saborosas.
 

- Prepare os lanches e se divirta com as crianças. Frutas cortadas em cubinhos, sanduichinhos de pasta de frango e tofu com alface e tomate, chá de frutas gelado, cookies integrais de cacau e pipoca doce de milho de canjica agradam adultos e crianças.

- Procure se exercitar e incentive que seus filhos façam o mesmo. Os convide para uma volta de bicicleta ou uma partida de futebol. A prática regular de atividade física melhora o condicionamento físico, colabora para a manutenção do peso e previne o surgimento de doenças do coração e diabetes.

Disponivel em: http://www.nutricaohoje.com.br/